Uma Ayah Mudou Minha Vida

Uma Ayah Mudou Minha Vida

Al-Fudayl ibn ‘Iyaad era famoso por sua piedade e a adoração, mas ele não foi sempre um muçulmano praticante. Em seus primeiros anos, Al-Fudayl era um ladrão de estrada infame;


ele espreitava na noite por vítimas na estrada de Abu Ward para Sarakhas.

Entre estas duas cidades ficava uma pequena aldeia em que vivia uma menina que Al-Fudayl era apaixonado. Uma noite, em desespero de estar com ela, Al-Fudayl escalou a parede de sua casa. Enquanto ele estava subindo, ele ouviu uma voz recitar: “Não é tempo, para os que crêem, de se lhes humilharem os corações à lembrança de Allah…” Surah Al-?adeed 57, Ayah 16.

Naquele momento, Al-Fudayl respondeu: “Ó meu Senhor, o tempo veio certamente.” Ele voltou por onde ele veio e procurou refúgio perto de um grupo de viagem na estrada principal. Eles estavam ocupados envolvidos em uma discussão séria. Al-Fudayl ouviu um deles dizer: “Vamos continuar a nossa viagem agora.” Outro respondeu: “Não, não até a manhã, pois Al-Fudayl está à espreita na estrada em algum lugar lá fora, apenas esperando para roubar-nos.”

Depois de ouvir toda a conversa, Al-Fudayl pensou consigo mesmo: “eu vou por aí no meio da noite para pecar, enquanto um grupo de muçulmanos permanecer aqui, porque eles me temem. Na verdade eu sinto que Allah me trouxe aqui para eles apenas para que eu possa reformar meu caráter, ó Allah, eu realmente volto-me a Ti arrependido! ”

Moral
O que podemos aprender com esta história é que não importa quão pecadora é uma pessoa, existe sempre uma chance de que elas poderão se voltar para Allah em arrependimento. Uma vez que que nós não sabemos do futuro das pessoas devemos esperar a sua orientação. Às vezes, a pior das pessoas pode se tornar a melhor das pessoas como o que aconteceu com muitos dos companheiros do Profeta Muhammad (que a paz e bênçãos de Allah estejam sobre ele).

Fonte: http://www.islamicstories.com/

O Islam e o Ser Humano