Como se Converter ao Islam

O Islam é um modo de vida que engloba todos os aspectos diários de um ser humano.

 

Islam e Muçulmanos

A palavra árabe “Islam” significa “submissão” e é derivada de uma palavra que significa “paz”.  Como tal, a religião do Islam ensina que para alcançar verdadeira paz de espírito e certeza de coração, devemos nos submeter a Deus e viver de acordo com Sua Lei divinamente revelada.

O Islam não é uma religião nova porque “submissão à vontade de Deus”, ou seja, Islam, sempre foi a única religião aceitável aos olhos de Deus.  Por essa razão o Islam é a “religião natural” verdadeira e é a mesma mensagem eterna revelada através dos tempos para todos os profetas e mensageiros de Deus.  A mensagem principal de todos os profetas sempre foi que só existe um Deus verdadeiro e único e que somente Ele deve ser adorado.  Esses profetas começam com Adão e incluem Noé, Abraão, Isaque, Jacó, Moisés, Davi, João Batista e Jesus, que a paz esteja sobre todos eles.  Deus diz no Alcorão Sagrado:

“E não enviamos antes de ti (Muhammad) Mensageiro algum sem que lhe revelássemos que: Não há outra divindade além de Mim. Adora-Me, e serve-Me!” (Alcorão 21:25)


Entretanto, a mensagem verdadeira desses profetas foi perdida ou corrompida com o passar do tempo.  Até os livros mais recentes, o Torá e o Evangelho, foram adulterados e, assim, perderam sua credibilidade para guiar as pessoas para o caminho certo.  Portanto, 600 anos depois de Jesus, Deus reviveu a mensagem perdida dos profetas anteriores enviando o profeta Muhammad com Sua revelação final, o Alcorão Sagrado, para toda a humanidade.  Como o profeta Muhammad era o profeta final, o próprio Deus prometeu preservar Suas últimas palavras reveladas para que seja uma fonte de orientação para toda a humanidade até o Último Dia.  Agora é imperativo para todos que acreditem e sigam essa mensagem final de Deus.  Deus Todo-Poderoso diz no Alcorão:

“E não te enviamos, senão como universal (Mensageiro), alvissareiro e admoestador para os humanos; porém, a maioria dos humanos o ignora.” (Alcorão 34:29)

“E quem quer que almeje (impingir) outra religião, que não seja o Islam, (aquela) jamais será aceita e, no outro mundo, essa pessoa contar-se-á entre os desventurados.”  (Alcorão 3:85)

A palavra “muçulmano” significa aquele que se submete a vontade de Deus, independente de sua raça, nacionalidade ou origem étnica.  Portanto, qualquer pessoa que esteja pronta para se submeter à vontade de Deus é elegível para se tornar muçulmana.

 

Benefícios de se converter ao Islam

Existem muitos benefícios em se converter ao Islam  Alguns deles são:

•     Forma-se uma relação pessoal e direta com Deus por meio da adoraçãosomente a Ele, sem a necessidade de intermediários.  Sente-se essa relação pessoal e fica-se consciente de que Deus sabe tudo e está lá para ajudar.

•     A pessoa constata o propósito verdadeiro de sua vida, que é reconhecer Deus e seguir Seus mandamentos.

•     A pessoa é provida de luz, que a guia ao longo da vida.  A religião do Islam tem respostas para todas as situações e sempre se saberá os passos certos a seguir em todos os aspectos da vida.

•     Encontra-se felicidade, tranquilidade e paz interior verdadeiras.

•     Ao se converter ao Islam, todos os pecados anteriores são perdoados e se começa uma vida nova de piedade e retidão.  E como muçulmano, quando depois se comete um erro, é possível se arrepender perante Deus, Que perdoa os pecados daqueles que se arrependem sinceramente.  Não há intermediários ou seres criados para se fazer confissões.

•     Alcança-se a salvação do inferno, em relação ao qual todos os profetas alertaram.

•     O maior benefício é que Deus prometeu que um muçulmano terá a recompensa do paraíso eterno.  Aqueles abençoados com o paraíso viverão eternamente em bênção, sem qualquer tipo de doença, dor ou tristeza.  Deus estará satisfeito com eles e eles estarão satisfeitos com Deus.  Mesmo os que estiverem na categoria mais baixa entre os habitantes do paraíso terão dez vezes o equivalente desse mundo e terão o que desejarem.  De fato, no paraíso existem prazeres o que nenhum olho jamais viu, nenhum ouvido jamais ouviu e nenhuma mente jamais pensou.  Será uma vida bem real, não somente espiritual, mas física também.

 

Como se converter ao Islam - O testemunho de fé (Shahada)

Tornar-se muçulmano é um processo simples e fácil.  Tudo que uma pessoa tem que fazer é dizer uma frase chamada testemunho de fé (Shahada), que é pronunciada como:

Eu testemunho “La ilaha illa Allah, Muhammad rassulu Allah.”

Essas palavras árabes significam “não há verdadeiro deus (divindade), exceto Allah, e Muhammad é o Mensageiro (Profeta) de Deus.”  Uma vez que uma pessoa diz o testemunho de fé (Shahada) com convicção e compreensão de seu significado, ela se torna muçulmana.  É fácil assim!

A primeira parte, “Não há verdadeira divindade, exceto Deus”, significa que ninguém tem o direito de ser adorado a não ser Deus, e que Deus não tem parceiro e nem filho. A segunda parte significa que Muhammad foi um verdadeiro profeta enviado por Deus para a humanidade.

Para ser um muçulmano, deve-se:

-        Acreditar que o Alcorão Sagrado é a palavra literal de Deus, revelado por Ele.

-        Acreditar que o Dia do Juízo (Dia da Ressurreição) é verdadeiro e chegará.

-        Acreditar nos profetas que Deus enviou, nos livros que Ele revelou e em Seus anjos.

-        Aceitar o Islam como sua religião.

-        Não adorar a nada e nem a ninguém, exceto Deus.

É fácil assim!

A conversão pode ser feita sem ajuda, mas é muito melhor fazê-la com a assistência de um de nossos conselheiros através da “Ajuda online”, para que possamos ajudá-lo(a) a pronunciá-lo corretamente e fornecer a você informações e conselhos importantes especialmente preparados para os novos convertidos, para ajudá-los a começar em sua fé recém-encontrada.

 

Você não está sozinho

Se você seguiu a orientação acima e se converteu ao Islam sem ajuda, fique tranquilo que não está sozinho. A mesma fé é compartilhada por 1,7 bilhões de pessoas.  Recomendados que nos informe agora através da “Ajuda online”, para que possamos fornecer a você recursos e conselhos úteis, adequados para você como novo(a) muçulmano(a).

Damos os parabéns por sua decisão e as boas vindas ao Islam. Tentaremos ao máximo ajudá-lo(a) da maneira que pudermos! smile

 

Alguns equívocos comuns

Algumas pessoas podem adiar sua conversão ao Islam, embora acreditem que seja a religião verdadeira de Deus, devido a alguns equívocos.  Podem achar que coisas como mudar o nome, saber um pouco de árabe, informar aos outros sobre sua conversão, conhecer alguns muçulmanos ou não ter cometido muitos pecados, são condições para a conversão - entretanto, a realidade é que essas não são desculpas válidas para adiar a conversão. 

 

Para aqueles que ainda não estão convencidos

O Islam reivindica ser o caminho verdadeiro para Deus.  O que torna uma religião válida em relação a outras ideologias são as provas que oferece para sua autenticidade.  Portanto, é preciso examinar essas provas, pesá-las e tomar uma decisão informada.  É preciso ser sincero no empenho e, acima de tudo, buscar a ajuda do Todo-Poderoso para ser guiado para o caminho certo.

Se uma pessoa ainda não estiver convencida da autenticidade do Islam, então pode pesquisar mais as provas que o Islam oferece.  O Islam oferece provas esmagadoras de sua autenticidade e é a única religião que apela completamente ao bom-senso.

Algumas das provas que o Islam oferece são: provas científicas no Alcorão, os milagres realizados pelo profeta Muhammad e as profecias de sua vinda em escrituras anteriores, os eventos profetizados no Alcorão que vieram a acontecer, o desafio cumprido do Alcorão de que se fizesse ao menos um capítulo como ele e a sabedoria divina nas leis e ensinamentos do Islam que cobrem todos os aspectos da vida.

Nossa vida eterna depende da fé que escolhermos seguir nessa vida transitória e, sendo assim, procuremos dar a esse esforço a prioridade que merece.

 

Fonte: IslamReligion


You have no rights to post comments