As 4 Mulheres de Fé e Carácter Exemplares

 

Anass (radiAllahu 'anhu) relatou que o Profeta ﷺ disse: "Dentre as mulheres do mundo, as que adquiriram a perfeição e merecem ser seguidas em exemplo são: Maryam, a filha de Imran (Maria, mãe de Jesus); Khadijah, filha de Khuwailid; Fatimah, filha de Muhammad, e Asiyah, esposa de Fir'aun" [Narrado por Tirmidhi]

 

Este hadith refere-se a 4 mulheres que adquiriram a perfeição da fé e do carácter por virtude da sua devoção, paciência, trabalho árduo e moral. As suas vidas iluminam-nos com a sua piedade, confiança, paciência e gratidão e são guias para todos os crentes, especialmente quando a dificuldade nos alcança.

 

 

Maryam (Maria), filha de Imran

Maryam (que a paz esteja com ela) passou os seus jovens dias em total isolamento dentro da área de Baitul Muqqadas. Ela devotou a sua vida à oração e adoração de Allah. Sem se ter casado, ela milagrosamente deu à luz a 'Issa (Jesus) (que a paz esteja com ele). Ela foi acusada de adultério e foi castigada por trazer desonra ao nome da sua família. Quem poderia ter acreditado na sua inocência, quando ela chegou ao meio da sua gente com um bebé nas suas mãos? E como é que ela se poderia defender da acusação de adultério? Como é que uma mulher solteira convenceria a sua gente de que este nascimento não era um nascimento normal? No Qur'an é mencionado:

"E ela chegou, com ele, a seu povo, carregando-o. Disseram: 'Ó Maria! Com efeito, fizeste uma cousa assombrosa! Ó irmã de Aarão! Teu pai não era pessoa atreita ao mal e tua mãe não era mundana! Então, ela apontou para ele. Eles disseram: 'Como falaremos a quem está no berço, em sendo infante?' O bebê disse: 'Por certo, sou o servo de Allah. Ele me concederá o Livro, e me fará Profeta, e me fará abençoado, onde quer que esteja, e me recomendará a oração e az-zakah, enquanto permanecer vivo, e me fará blandicioso para com minha mãe, e não me fará tirano, infeliz; E que a paz seja sobre mim, no dia em que nasci, e no dia em que morrer e no dia em que for ressuscitado, vivo!"

[Sura Maryam (19):27-30]

 

O bebé que ainda precisava de ser amamentado falou e defendeu a sua mãe da acusação de infidelidade. Quando ela deu a sua vida a Allah, Allah deu-lhe uma criança que protegeu a sua integridade mesmo quando esta ainda estava no berço.

 

 

Khadijah, filha de Khuwailid

Khadijah (que Deus esteja satisfeito com ela) era extremamente sensata, inteligente, gentil e influente. Ela era chamada de Tahira (pura e casta) mesmo na era pré-islâmica. Ela era excepcionalmente rica e uma próspera mulher de negócios. Ela casou-se com o Profeta aos 40 anos quando o Profeta tinha apenas 25 anos. Ela deu apoio moral, financeiro e emocional ao Profeta. Quando o Profeta viu o anjo Gabriel (Jibril) na caverna de Hira, ele estava aterrorizado e temia pela sua vida. Ele correu montanha abaixo e chorando disse: "Cobre-me, cobre-me!". Foi Khadijah (que Allah esteja satisfeito com ela) que o consolou; ela era o seu pilar de apoio; ela acreditou nele quando toda a gente duvidava dele. Ela foi o seu refúgio, o seu consolo, o seu apoio e carinho quando ele estava sozinho, confuso e aterrorizado. Ela ficou do lado dele quando toda a gente o evitava. Khadijah foi a primeira a aceitar o Islam, ela deu uma casa ao Profeta, e foi a primeira amiga íntima e torre de força do Profeta.

 

 

Fatima, filha de Muhammad

O Profeta costumava dizer: "Fatima é da minha carne, aquele que a enfurecer, enfurece-me." [Bukhari e Muslim]

 

Fatima (que Allah esteja satisfeito com ela) era a filha mais nova do Profeta e a única filha que sobreviveu até depois da sua morte (dos filhos que o Profeta teve com Khadijah). A vida dela foi de extrema pobreza e dificuldade. Ela via o seu pai a ser maltratado constantemente, insultado e humilhado pelos descrentes. Um dia, quando ela tinha apenas 10 anos, ela acompanhou o seu pai ao Masjid Al-Haram. Ele ficou no sítio conhecido como al-Hijr direcionado para a Kabah e começou a rezar. Fatima ficou ao seu lado. Um grupo dos Quraish reuniu-se à volta dele. Este grupo incluía Abu Jahl Ibn Hisham - o tio do Profeta - 'Uqbah Ibn Abi Muayt, 'Umayyah Ibn Khalaf, Shaybah and Utbah. Abu Jahl, o líder do grupo, disse: "Quem pode trazer as entranhas de um animal abatido e atirá-las sobre Muhammad?". 'Uqbah Ibn Abi Muayt, um dos mais vis do lote, ofereceu-se e saiu apressado. Voltou com a imundice detestável e atirou sobre os ombros do Profeta quando ele ainda estava prostrado. Imagine os sentimentos de Fatima quando ela viu o seu pai a ser humilhado desta maneira. Ela dirigiu-se ao seu pai e retirou a imundice e ficou com firmeza e com raiva perante o grupo dos bandidos dos Quraish e criticou-os continuamente. Tais cenas de oposição viciosa e perseguição contra o seu pai e os primeiros muçulmanos foram testemunhados por Fatima, enquanto criança, quase todos os dias. Ela não ficava meramente de lado a assistir a tudo, mas juntou-se à luta em defesa do seu pai e da sua nobre missão.

 

 

Asiyah, esposa de Fir'aun (Faraó)

Quando os feiticeiros caíram em prostração e declararam a sua fé em Allah e aceitaram Mussa (Moisés) como profeta de Allah, a esposa de Fir'aun também declarou a sua fé. Fir'aun castigou-a, atrelando-a ao chão e expondo o corpo dela ao sol do meio-dia no deserto. Sempre que ele se virava para o outro lado, os anjos vinham oferecer sombra a Asiya com as suas asas. Fir'aun deu-lhe então uma escolha: ou renunciava a sua religião ou preparar-se-ia para ser esmagada por uma rocha. Ela escolheu ser esmagada. Quando ela foi posta no chão, olhou para o céu – ela viu o seu lugar no Paraíso e rezou "Ó meu Sustentador! Constrói-me, Tu Mesmo, uma mansão no Paraíso e salva-me de Fir'aun e das suas ações e salva-me de todas as pessoas malfeitoras". Quando ela disse isto, a sua alma deixou o seu corpo e a rocha esmagou o seu corpo já sem vida.

 

Estas quatro mulheres mudaram o curso da história da humanidade através da sua perseverança, fé e coragem. A vida de Maryam foi caracterizada pela piedade, castidade e fé. Khadijah não sucumbiu às armadilhas da riqueza, nem ao poder e fama. Fatima teve paciência face a dificuldades sem fim e foi coroada como líder de todas as mulheres no Paraíso. A esposa de Fir'aun escolheu fé em vez de realeza.

 

Estas foram as mulheres que se distinguiram pela paciência e que encontraram a verdadeira amizade de Allah pela sua firmeza inabalável no meio de sacrifícios tortuosos.

 

Que Allah nos ajude a tentar seguir o seu exemplo, amin.


You have no rights to post comments