Dia Vinte e Sete: A segunda categoria de coisas que levam um indivíduo ao fogo do inferno

Dia Vinte e Sete: A segunda categoria de coisas que levam um indivíduo ao fogo do inferno

Meus irmãos: Conversamos na sessão passada sobre diversas razões que formam o primeiro tipo de entrada e permanência eterna no Inferno. Falaremos sobre o segundo tipo, e essas são as razões que fazem uma pessoa entrar no inferno, porém não enseja a permanência eterna lá.


Primeira razão: desobedecer aos pais, isso inclui interrompê-los, não os ouvir, dizer ou fazer algo inadmissível. Allah diz: “E teu Senhor decretou que não adoreis senão a Ele; e decretou benevolência para com os pais. Se um deles ou ambos atingem a velhice, junto de ti, não lhes digas: “Ufa!”, nem os maltrates, e dize-lhes dito nobre. E baixa a ambos a asa da humildade, por misericórdia. E dize: “Senhor meu! Tem misericórdia deles, como quando eles cuidaram de mim, enquanto pequenino” (17:23-24). E Allah diz: “Sê agradecido a Mim, e a teus pais. A Mim será o destino” (31:14). O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) menciona uma pessoa que desobedece aos pais como não entrando no Jannah em Ahmad e Nasa’i.

Segunda razão: Cortar as relações do útero. É quando uma pessoa não concede a seus parentes os direitos da duniya (esta vida) e de sua riqueza. No Sahihein, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Não entrará no Jannah, a pessoa que corta as relações”. Allah (louvado seja) diz: “Então, se voltásseis as costas, quiçá, semeásseis a corrupção na terra e cortásseis vossos laços consanguíneos? Esses são os que Allah amaldiçoou: então, Ele os ensurdeceu e lhes encegueceu as vistas.” (47:22-23)

Infelizmente, muitos muçulmanos negligenciaram esse dever de obedecer aos pais e manter os laços de parentesco. Algumas pessoas usam a desculpa de que o parente não quer ser acolhido por elas, e essa desculpa não se sustenta. Porque, se alguém mantivesse os laços apenas com os parentes que quisessem mantê-los, não estaria fazendo isso por Allah. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “A pessoa que mantém os laços de parentesco não é aquela que apenas preserva um laço, mas sim, a que, se um relacionamento é cortado, ela o conserta” (Bukhari).

Terceira razão: Lidar com juros, como Allah (louvado e glorificado seja) diz: “Ó vós que credes! Não devoreis a usura, muitas vezes duplicada; e temei a Allah, na esperança de serdes bem-aventurados. E guardai-vos do Fogo, que é preparado para os renegadores da Fé. E obedecei a Allah e ao Mensageiro, na esperança de obterdes misericórdia” (3:130-132). Allah prometeu à pessoa que volta a negociar com juros, depois de mostrar a verdade e ser avisada, que entraria no inferno eternamente. “Os que devoram a usura não se levantam senão como se levanta aquele que Satã enfurece com a loucura. Isto, porque dizem: “A venda é como a usura”. Ao passo que Allah tornou lícita a venda e proibiu a usura. Então, aquele, a quem chega exortação de seu Senhor e se abstém da usura, a ele pertencerá o que se consumou, e sua questão será entregue a Allah. E quem reincide, esses são os companheiros do Fogo. Nele, serão eternos” (2:275)

Quarta razão: usar a riqueza dos órfãos. Independentemente de o órfão ser homem ou mulher. Allah (louvado seja) diz: “Por certo, os que devoram as riquezas dos órfãos, injustamente, apenas devoram fogo, para dentro de seus ventres. E queimar-se-ão em Fogo ardente” (4:10). E um órfão é uma pessoa cujo pai morre antes dela atingir a puberdade.

Quinta razão: Prestar falso testemunho. Prestar testemunho daquilo que você não conhece ou que conhece, mas não tem certeza.

Sexta razão: Subornar um oficial. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “A pessoa que dá o suborno e a pessoa que o recebe estão no Fogo do Inferno” (Tabarani).

Sétima razão: A pessoa que faz juramentos falsos. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Quem cortar a riqueza de seu irmão com um juramento falso, então deixe-o ocupar seu lugar no Fogo”. (Ahmad, classificado como Sahih por Hakim)

Oitava razão: Uma pessoa que julga entre outras sem nenhum conhecimento, ou com corrupção e distorção. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “O juiz pode ser de três tipos, um está no paraíso e os outros dois estão no inferno. Quanto àquele que está no paraíso, é um homem que conhece a verdade e julga por ela; o homem que conhece a verdade e não julga por ela está no inferno; e o homem que julga as pessoas enquanto é ignorante também está no inferno.” (Abu Dawud, Tirmidhi, Ibn Majah)

Nona razão: uma pessoa que rouba aqueles sob sua responsabilidade, não os aconselha e não lida com eles de uma maneira que os beneficia. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Não há servo (crente), que no dia em que roube aqueles pelos quais está encarregado, Allah não o proíba o Jannah” (Muttafac alaihi)

Décima razão: Fazer uma imagem de algo que tenha alma: humanos ou animais. O Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Quem faz uma imagem, Allah o castigará até coloque uma alma no que criou, e esta pessoa nunca será capaz disso” (Bukhari). Referindo-se ao desenho de árvores e plantas e coisas do tipo, isso é permitido de acordo com a maioria dos estudiosos.

Décima primeira razão: No Sahihein, o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “Por acaso devo vos informar sobre os companheiros do inferno? É toda pessoa violenta, impertinente e orgulhosa”. O violento é aquele que é muito severo e não é gentil com a verdade, nem com a criação. O impertinente é a pessoa gananciosa. O orgulhoso é aquele que não é humilde com a criação e se vê superior ao restante das pessoas.

Décima segunda razão: Comer utilizando utensílios de ouro ou prata (tanto para homens, quanto mulheres). É mencionado no Sahihein que o Profeta (que a paz e as bênçãos de Allah estejam sobre ele) disse: “A pessoa que come ou bebe com utensílios de ouro ou prata, então estarão arrastando o Fogo do Inferno para seus estômagos”.

Cuidado com as razões para entrar no Inferno. Pratique atos que o afastarão cada vez mais do Inferno, para que você possa ter sucesso na vida futura. Saiba que esta vida é curta. Peça ao seu Senhor firmeza na verdade até a morte. E que Ele te reúna no Dia do Julgamento com aqueles de quem Ele gosta dentre os que creem.

Continua amanhã…

Siyam e Ramadan